Prefeitura de Pirabas decreta Situação de Emergência

A prefeitura de São João de Pirabas, no último dia 09, decretou situação de emergência, após o conselho municipal de defesa civil – COMDEC, através do formulário de informações de desastre identificar intensidade nível 1, devido as intensas chuvas registradas nos últimos meses.
Segundo informações do CPRM somente nos primeiros dias do mês de abril foi registrado um volume pluviométrico de 206,60 mm; anteriormente foram registrados níveis de 326,40 mm em janeiro, aumentando significativamente para 800,50 mm em fevereiro e mantendo-se estável no mês de março com 796,50 mm.
O efeito de toda essa precipitação tem causado transtornos em todo o município, interferindo social e economicamente no cotidiano dos pirabenses, como está sendo o caso dos alunos da zona rural que não conseguem chegar às escolas por conta das péssimas condições de trafegabilidade das estradas vicinais. Tal situação levou a secretaria municipal de educação – SEMED, a suspender pelo período de 15 dias as aulas nas unidades de ensino da zona rural.
O transporte intermunicipal também tem sofrido com as condições severas de um dos invernos mais rigorosos da última década. Nas redes sociais têm sido comuns os posts de passageiros transitando com dificuldade sobre a lama, enquanto outros tentam tirar os veículos dos atoleiros.
As chuvas são tão intensas que nem mesmo o maquinário utilizado para fazer os reparos nas vicinais consegue trafegar, o que dificulta a gestão municipal dar uma resposta imediata para resolver os transtornos vividos pela população nesses últimos meses.
Tanto a secretaria de obras e transporte, quanto a secretaria de educação, aguardam que nos próximos dias a situação seja normalizada, se a intensidade das chuvas diminuir. Por enquanto, as aulas nas escolas da zona rural estão suspensas até o próximo dia 22.

Acessibilidade